Prognóstico UFC 251: Quem vence a luta Kamaru Usman x Jorge Masvidal?

Prognóstico UFC 251: Quem vence a luta Kamaru Usman x Jorge Masvidal?

Prognóstico UFC 251: O UFC 251 é uma grande atração com nada menos que três lutas pelo título. Mas, além dessas lutas, existe várias outras apostas tentadoras para a estreia de 'Fight Island'. Continue lendo para obter mais previsões e dicas do UFC 251…

LEIA MAIS: Apostas UFC: Como ganhar dinheiro apostando no MMA

Prognóstico UFC 251: Onde assistir ao combate Kamaru Usman x Jorge Masvidal?

O UFC 251 vem grande. Três decisões de cinturões e mais uma porção de confrontos enormes e poderosos para os fãs brasileiros. O evento acontece no dia 11 de julho, no Fight Island. Kamaru Usman enfrenta Jorge Masvidal, num confronto que deve eletrizar os fãs. Como de costume, os torcedores brasileiros poderão acompanhar o antes, o durante e o depois da luta no canal Combate.

Prognóstico UFC 251: Kamaru Usman x Jorge Masvidal

O campeão entre os pesos meio-médios do UFC encara o ‘Baddest Motherf**ker’ – campeão do BMF após uma mudança tardia no evento principal do UFC 251, marcado para 11 de julho. Quem será que vai deixar a ‘Flight Island’ como o rei absoluto da categoria até 77 kg? Kamaru Usman ou Jorge Masvidal. 

Prognóstico UFC 251: O que é a Fight Island? 

Seria a ‘Fight Island’ um coisa real? Se sim, o que é a ‘Fight Island’? E, claro, onde fica a ‘Fight Island’?  Todas estas perguntas foram respondidas no momento em que o UFC se aproxima de julho, data marcada para conhecer sua nova casa. Longe de casa. Algo que antes soou como algo tirado de um filme estrelado por Jean Claude Van Damme, é agora palpável. Real. 

O UFC 251 está prestes a iniciar uma maratona de 4 eventos seguidos, que acontecem em julho, na Yas Island, em Abu Dhabi. A UFC Fight Night apresenta 3 cards meio que empilhados uns nos outros. O destaque da noite é justamente o embate entre os pesos meio-médios, Kamaru Usman e Jorge Masvidal

Prognóstico UFC 251: Todos os caminhos levam para Kamaru Usman x Jorge Masvidal 

Não é comum que uma luta, digamos, substituta tome o lugar de um confronto previamente marcado. Este, no entanto, é definitivamente o caso aqui. Kamaru Usman está determinado em defender seu cinturão de peso meio-médio contra o parceiro de tempos, Gilbert Burns, na ‘Fight Island’. O adversário, por sua vez, foi forçado pular fora depois de testar positivo para a covid-19, deixando o UFC batendo cabeça para encontrar um substituto para o brasileiro. Eles rapidamente localizaram o nome de Jorge Masvidal, o já citado campeão do BMF.  

Masvidal teve bom desempenho e foi aprovado em seus testes e, em seguida, entrou num avião rumo a ‘Fight Island’, o que espalhou partículas de excitação entre os amantes do esporte que já prefeririam que este fosse o evento principal do card do UFC 251. Então, como estas duas figuras chegaram a esse ponto?  

O ano de 2019 foi incrível para Kamaru Usman, que completou sua escalada ao topo da categoria de pesos meio-médios, com direito a uma vitória que silenciou um rival amargo. O ‘Pesadelo Nigeriano’ surfava na onda de 9 vitórias seguidas até bater de frente com no octógono com Tyron Woodley em março de 2019. O nigeriano não só acabou com reinado de quase 3 anos de ‘O Escolhido’, como fez exercendo todo o seu domínio de forma atrativa. Usman não conseguiu a sonhada finalização naquela noite, mas convenceu os juízes a tomarem uma decisão assimétrica pela vitória quando todos os olhos estavam apontados para seu primeiro desafiador. 

Na primeira fila estava Colby Covington, que fora deposto do reinado interino entre os campeões peso meio-médios após decidir passar por uma cirurgia no nariz ao invés de lutar contra o campeão do período, Woodley, em setembro de 2018. Mas, o campeão falastrão não ia deixar passar a oportunidade de brigar pelo prêmio entre os lutadores até 77 kg e, por isso, foi anunciado que ele seria o primeiro homem a desafiar Usman no octógono, em luta marcada para dezembro de 2019. 

Os dois homens duelaram cabeça a cabeça por quase 25 minutos numa luta empolgante. Mas, diferente da noite em que ele ganhou o cinturão, Usman não precisaria dos juízes aqui. Ele levou Covington ao chão faltando mais ou menos 1 minuto para o encerramento do confronto enquanto desferiu golpes que forçaram o juiz a intervir nos 50 segundos restantes. Detalhe, Usman não tinha a vitória garantida, como ainda encontrou tempo para quebrar o maxilar de um homem que muita gente desejava que calasse a boca de uma vez por todas

Teria Usman condições de desfrutar de uma segunda defesa bem-sucedida quando pisar no octógono na ‘Fight Island’? 

Do outro lado está Jorge Masvidal, que teve um ano incrível em 2019. Ele saiu de azarão para um candidato legítimo, com diploma de durão e, claro, campeão do BMF. Masvidal começou o mesmo ano sem lutar desde sofrer duas derrotas seguidas nas mãos de Stephen Thompson e Demian Maia, ambas em 2017. Resiliente, ele respondeu aos chamados para enfrentar Darren Till em Londres e não demonstrou arrependimento desde esta já famosa noite. ‘Gamebred’ chocou o público de sua cidade natal ao nocautear o adversário de Liverpool no segundo round da luta. O melhor ainda está por vir. 

Mesmo com problemas de bastidor com Leon Edwards em Londres, foi anunciado que Masvidal enfrentaria Ben Askren – que estava finalmente lutando no UFC depois de desfrutar de uma carreira de sucesso no exterior. Askren chegou com a companhia de uma grande fanfarra e venceu em sua estreia. De forma controversa, diga-se. Mas seria injusto sugerir que, talvez, Masvidal quebrou ele após o fim da luta. Com o soar do gongo, ele acertou uma joelhada que deixou Askren inconsciente por 5 segundos! 

Masvidal concluiu o ano dando um ultimato em Nate Diaz para se tornar, agora com reconhecimento do UFC, um verdadeiro campeão no melhor estilo ‘Baddest Motherf**ker’. Ele estava pronto para deixar sua coroa do BMF no passado e concordou em se aventurar no UFC em busca do título entre os pesos meio-médios. Tudo isso do outro lado do mundo. No meio de uma pandemia. Em apenas 7 dias. 

Então, poderia o mexicano Masvidal fazer uso desse renascimento incrível na ‘Fight Island’ ou Usman vai solidificar seu status de número 1 entre os atletas até 77 kg? Fique aqui para nossas previsões, prognósticos e dicas para a luta do UFC 251 entre Kamaru Usman x Jorge Masvidal

Prognóstico UFC 251: Dicas de apostas para a luta Usman x Jorge Masvidal. Quem vence?

A gente já disse isso antes, mas vale repetir que esta luta é muito mais interessante do que o embate previamente programado entre Usman e Gilbert Burns. Longe de faltar com o respeito por Burn, mas como podemos não demonstrar empolgação com o fato de Masvidal se colocar como candidato ao título com a forma que ele ostenta ultimamente? 

Sim, Masvidal está apostando alto, mas não é algo que mereça preocupação, sobretudo se tratando de um esporte com histórico de sucesso de substitutos de última hora. Há alguns anos atrás, Michael Bisping saiu de um set de gravações para nocautear Luke Rockhold, campeão dos pesos meio-médios do UFC e que o dominou em sua primeira luta e no confronto famoso de 2019, quando o reinado de Anthony Joshua como campeão dos pesos-pesados do boxe foi parado pelas mãos de Andy Ruiz Jr. Decepções fazem parte da vida e Masvidal vai querer adicionar seu nome na lista. E ele tem habilidades suficientes para fazer. 

‘Gamebred’ evoluiu muito de um homem que certa vez lutou nas ruas para o cara que domina artes marciais da forma que acompanhamos nos dias de hoje. Trata-se de um atacante muito talentoso com um card diverso de golpes, golpes estes com potencial de nocaute. E embora Usman tenha parado Covington da última vez, ele não renovou o estoque de golpes ofensivos em seu jogo e por isso vocês teriam que oferecer o destaque para o desafiador aqui. Ele, provavelmente, se destaca no jogo da submissão, mas estes não são qualidades básicas do jogo de todos os atletas e é difícil pensar que eles possam se colocar numa posição na qual Masvidal possa forçar Usman a bater no chão. 

A luta corporal soa suficiente? Este é o caminho da vitória para nós. Trajetória que favorece Usman. O ‘Pesadelo Nigeriano’ faz jus ao nome porque ele é, literalmente, um pesadelo para os adversários. O nigeriano é grande, forte, um homem poderoso e ex-campeão nacional de luta livre amadora – tempestade perfeita quando você está em busca de malhar o adversário. A fórmula funcionou com perfeição quando Usman derrubou Woodley múltiplas vezes para vencer o cinturão. Esta é a fórmula que pode fazer com ele mantenha o título. Atenção, Masvidal não é desleixado quando se trata de luta livre, mes definitivamente não está no nível de Usman e isso pode ser sentido quando o campeão derrubá-lo de costas para malhá-lo  no caminho da segunda defesa bem-sucedida de sua coroa. 

Será que Usman dará conta do serviço em 25 minutos? Não será surpresa assistir Masvidal sucumbido e ser punido nos rounds finais da luta. Mas o desafiador é um homem durão e que não foi parado em quase 10 anos. Detalhe, ele não perdeu por nocaute desde junho de 2008. Portanto, não chocaria ninguém vê-lo ouvir a batida final do gongo em ‘Fight Island’. Com isso em mente, a sugestão é vitória de Usman entre o 4º ou 5º round ou pela decisão dos juízes. Agora, se você está em busca de um lucro melhor, apostar que na vitória de Usman por decisão técnica parece o melhor caminho. 

Apostas UFC: Como ganhar dinheiro apostando no UFC

O MMA registra um aumento maciço de popularidade nos últimos 10 anos, graças a estrelas como Jon Jones, Anderson Silva, Georges St-Pierre, Daniel Cormier, Conor McGregor, José Aldo e Ronda Rousey. Organizações como o UFC e Bellator ajudaram o esporte a ganhar destaque no mainstream – o que também significou um aumento nas apostas de UFC online. Não se preocupe, abordaremos isso abaixo, além de como apostar no UFC para que você possa fazer escolhas inteligentes.

Sites para apostar nas lutas do UFC?

Qualquer grande casa de aposta presente no Brasil está aberta para apostas no UFC. Seja você um novato que quer fazer sua primeira aposta no MMA ou um profissional que espera ganhar dinheiro no próximo evento principal, os sites que apoiamos são seguros, seguros e fáceis de usar. Além disso, cada site de apostas oferece chances nos melhores Cards de MMA.

Nocaute ou pontos? Apostas especiais no UFC

Outra maneira popular de apreciar as apostas no UFC é o método de ganhar a vitória. É como dar um passo adiante, prevendo como um lutador vencerá uma luta.

Usando o mesmo exemplo do evento principal de cima, as cotações de McGregor eram de -140 para derrotar Alvarez. Mas ele também tinha +110 para vencer por nocaute, que foi como McGregor venceu a luta. Isso quer dizer que você ganharia mais dinheiro ao prever corretamente como o lutador irlandês venceu seu oponente do que apenas escolhê-lo para vencedor.

Apostas UFC: Acerte o número de rounds

Um ponto obrigatório para quem aposta no UFC, é que ela não é tão semelhante ao futebol assim. Basicamente, você tenta prever se uma luta ultrapassará um certo número de rounds. Isso obviamente aumenta seus ganhos.

A luta McGregor-Alvarez teve um total de 1,5 rounds. Isso significa que se a luta terminasse dentro do primeiro round e meio – os primeiros sete minutos e 30 segundos -, o “under” venceria. Se a luta passasse da primeira rodada e meia, o “over” venceria.

Esse tipo de aposta têm um risco maior, mas o potencial para um pagamento mais elevado como compensação. E você: No UFC, o que não falta é drama e essas apostas definitivamente tornam as coisas mais interessantes para você.

Esse tipo de aposta não é para quem sofre do coração, já que a emoção é garantida. Mas é preciso também entrar de cabeça na luta, tentando prever os movimentos e conhecendo bem o estilo de um lutador. Mas, esta aposta vem com ganhos potenciais maiores, se você puder determinar corretamente não apenas quem vencerá a luta, mas quando.

McGregor derrotou Alvarez no segundo round na luta principal do UFC 205. Para McGregor simplesmente derrotar seu oponente, o pagamento era de foi -140, mas uma vitória de McGregor no segundo turno tinha cotação de +550. Resumindo: aqueles que apostaram nessas probabilidades ficaram de bolsos cheios. Quem apostou US$ 1.000, embolsou US$ 5.500. Haja suplemento e açaí com essa grana toda!